Wishlist de Maio

Eu não trouxe muitos livros comigo porque sabia que iria comprar vários aqui em Dublin. Preciso dizer que estou surpresa comigo mesma. Achei que iria enlouquecer e sair comprando tudo o que eu visse pela frente, mas não, estou conseguindo me controlar. Pretendo fazer um post com as livrarias que eu mais gosto da Irlanda, mas por enquanto resolvi fazer esse post para compartilhar a wishlist dos livros que eu estou desejando no momento.

 A Court of Mist and Fury - Sarah J. Maas
Esse é um dos livros mais esperados por mim para esse ano. Ele vai ser lançado amanhã aqui em Dublin, obviamente que eu irei correndo na livraria comprar o meu exemplar. Eu gostei bastante de A Court of Thorns and Roses e espero que essa nova série só melhore. 
 After You - Jojo Moyes
Fiquei acabada/destruída com o final de Como Eu Era Antes de Você. Quando soube que a Jojo Moyes iria escrever uma continuação fiquei bastante feliz. Estava um pouco receosa com relação a esse livro, mas li tantas resenhas positivas que estou louca para ler ele. 
 Red Rising - Pierce Brown
Todo mundo que eu sigo no goodreads já leu esse livro e todo mundo fala muito bem dele. Honestamente, eu nem sei muito bem do que se trata o livro, mas eu prefiro assim. Todas as vezes que eu li um livro sem estar familiarizada com a história, eu me surpreendi. Também quero que isso aconteça com Red Rising. 
 Summer Days & Summer Nights - Stephanie Perkins
Mais um livro de contos organizado pela Stephanie Perkins. Claro que ele estaria na minha wishlist. Serão 12 contos escritos por alguns dos meus autores favoritos: Leigh Bardugo, Libba Bray, Cassandra Clare, Veronica Roth e claro Stephanie Perkins. O tema da vez será o verão. Mal posso esperar para poder ler quando o verão chegar por aqui <3
The Raven King - Maggie Stiefvater
Nem acredito que essa série está chegando ao fim :( Não sei se estou pronta para me despedir da Blue, do Gansey, do Noah, do Adam e do Ronan. Também não sei o que esperar desse último livro. Só sei que amo fortemente essa série e espero que o final não me decepcione. 

Resenha: Lady Midnight - Cassandra Clare + Sessão de autógrafos

 Sinopse:

Em um mundo secreto onde guerreiros meio-anjo juraram lutar contra demônios, parabatai é uma palavra sagrada.
O parabatai é o seu parceiro na batalha. O parabatai é seu melhor amigo. Parabatai pode ser tudo para o outro – mas eles nunca podem se apaixonar.
Emma Carstairs é uma Caçadora de Sombras, uma em uma longa linhagem de Caçadores de Sombras encarregados de protegerem o mundo de demônios. Com seu parabatai Julian Blackthorn, ela patrulha as ruas de uma Los Angeles escondida onde os vampiros fazem festa na Sunset Strip, e fadas estão à beira de uma guerra aberta com os Caçadores de Sombras. Quando corpos de seres humanos e fadas começam a aparecer mortos da mesma forma que os pais de Emma foram assassinados anos atrás, uma aliança é formada. Esta é a chance de Emma de vingança – e a possibilidade de Julian ter de volta seu meio-irmão fada, Mark, que foi sequestrado há cinco anos. Tudo que Emma, Mark e Julian tem a fazer é resolver os assassinatos dentro de duas semanas … antes que o assassino coloque eles na mira.
Suas buscas levam Emma de cavernas no mar cheias de magia para uma loteria sombria onde a morte é dispensada. Enquanto ela vai descobrindo seu passado, ela começa a confrontar os segredos do presente: O que Julian vem escondendo dela todos esses anos? Por que a Lei Shadowhunter proíbe parabatais de se apaixonarem? Quem realmente matou seus pais – e ela pode suportar saber a verdade?

Lady Midnight era o livro mais esperado por mim para esse ano. Como eu estou em Dublin, consegui compra-lo no dia do seu lançamento. Achei que no momento em que eu o tivesse em mãos eu iria ler ele sem parar. Mas para minha surpresa, foi bem diferente. Como eu sabia que teria que esperar um bom tempo (sabe-se lá quanto) para ter a sua continuação, eu resolvi que iria ler ele mais devagar. Geralmente quando eu faço isso, eu acabo não aproveitando muito bem o livro, mas com Lady Midnight foi diferente. Mesmo tendo demorado mais de um mês para terminar ele, eu realmente amei a história. Toda a espera valeu a pena, pois eu gostei muito do livro. 

Lançamentos do mês de abril

Lançamentos Nacionais:

 A Improvável Teoria de Ana e Zak - Brian Katcher
Ana Watson é uma aluna exemplar, pratica tiro com arco, é capitã da equipe de jogos acadêmicos e voluntária no programa de distribuição de sopa para pessoas carentes. Seu foco é ser aceita na Universidade de Seattle e escapar um pouco dos pais controladores; Zak Duquette é um nerd inveterado. Divide seu tempo livre (e boa parte do resto do tempo também) entre games, filmes duvidosos e quadrinhos. Seu grande objetivo é não perder a Washingcon, a maior Convenção de Ficção Científica, Fantasia e Quadrinhos da região. Quando o irmão mais novo de Ana abandona as semifinais de um campeonato da escola para participar escondido da Washingcon, escondido dos pais, ela sabe que Zak é a única pessoa que pode ajudá-la a encontrar o irmão. E descobre que eles podem ter muito mais em comum do que ela gostaria de admitir. A improvável teoria de Ana & Zak é um romance divertido e cheio de reviravoltas sobre dois adolescentes se descobrindo numa convenção sci-fi.

Alucinadamente Feliz - Jenny Lawson
Jenny Lawson está longe de ser uma pessoa comum. Ela mesma se considera colecionadora de transtornos mentais, já que é uma depressiva altamente funcional com transtorno de ansiedade grave, depressão clínica moderada, distúrbio de automutilação brando, transtorno de personalidade esquiva e um ocasional transtorno de despersonalização, além de tricotilomania (que é a compulsão de arrancar os cabelos). Por essa perspectiva, sua vida pode parecer um fardo insustentável. Mas não é.
Após receber a notícia da morte prematura de mais um amigo, Jenny decide não se deixar levar pela depressão e revidar com intensidade, lutando para ser alucinadamente feliz. Mesmo ciente de que às vezes pode acabar uma semana inteira sem energia para levantar da cama, ela resolve que criará para si o maior número possível de experiências hilárias e ridículas a fim de encontrar o caminho de volta à sanidade.
É por meio das situações mais inusitadas que a autora consegue encarar seus transtornos de forma direta e franca, levando o leitor a refletir sobre como a sociedade lida com os distúrbios mentais e aqueles que sofrem deles, sem nunca perder o senso de humor. Jenny parte do princípio de que ninguém deveria ter vergonha de assumir uma crise de ansiedade, ninguém deveria menosprezar o sofrimento alheio por ele ser psicológico, e não físico. Ao contrário, é justamente por abraçar esse lado mais sombrio da vida que se torna possível experimentar, com igual intensidade, não só a dor, mas a alegria.

Indicados ao Billboard Music Awards 2016

Mais uma premiação chegando e você não quer ficar de fora sobre a lista de indicados, não é mesmo?

A BMA é patrocinada pela revista Billboard, que é a principal referência do mercado da música nos Estados Unidos. A premiação é uma das mais importantes do ano e ocorre no dia 22 de Maio e será apresentado por Ludacris e Ciara, em Las Vegas. Justin Bieber e The Weeknd lideram as indicações e atrás estão Drake, Fetty Wap, Taylor Swift e Adele.

Aqui estão algumas das categorias:

  • Melhor Artista:

  •  Adele
  • Justin Bieber
  • Taylor Swift
  • Drake
  • The Weeknd


  • Melhor Artista Novo:

  •  Fetty Wap
  • OMI
  • Charlie Puth
  • Silentó
  • Bryson Tiller


  • Melhor Artista Top 200: 

  •  Adele
  • Justin Bieber
  • Drake
  • Taylor Swift
  • The Weeknd


  • Melhor Dupla/Grupo:

  •  Maroon 5
  • One Direction
  • Twenty One Pilots
  • The Rolling Stones
  • U2


  • Melhor Álbum Top 200:

  •  Adele - 25
  • Justin Bieber - Purpose
  • Ed Sheeran - X
  • Taylor Swift - 1989
  • The Weeknd - Beauty Behind The Madness


  • Melhor Artista das Redes Sociais:

  •  Justin Bieber
  • Selena Gomez
  • Demi Lovato
  • Taylor Swift
  • Ariana Grande

E então, o que acharam? Você pode clicar aqui para ter acesso à todas as categorias!






Estreias: Abril

O mês de abril chegou, e como todos estavam esperando, grandes estreias estão por vir nesse mês de heróis!
Invasão a Londres - 7 de abril


Com a morte misteriosa do primeiro-ministro britânico, a presença dos líderes mundiais no seu funeral é indispensável, tornando o evento uma ótima oportunidade para destruir grandes monumentos e assassinar os governantes mundiais. É o que acontece, mas, com sorte e a ajuda de Mike Banning (Gerard Butler), o presidente dos EUA Benjamin Asher (Aaron Eckhart) consegue escapar. Responsável pelo ataque, um dos terroristas mais procurados do mundo não se dá por vencido e, enquanto Benjamin luta pela sobrevivência, o vice-presidente Trumbull (Morgan Freeman) se esforça para derrotar o criminoso.
 
 
Mogli - O Menino Lobo - 14 de abril

 
A trama gira em torno do jovem Mogli (Neel Sethi), garoto de origem indiana que foi criado por lobos em pela selva, contando apenas com a companhia de um urso e uma pantera negra. Baseado na série literária de Rudyard Kipling.
 
 
O Caçador e a Rainha do Gelo - 21 de abril

A Rainha Ravenna (Charlize Theron) governava com justiça até o dia em que sua bondosa irmã Freya (Emily Blunt) deu à luz uma menina destinada a retirá-la de seu posto de mais bela do reino. Irada, ela assassinou a criança, mergulhando sua irmã em uma profunda depressão. Anos mais tarde, ao saber da morte de Ravenna, Freya decide ir em busca de seu espelho mágico. Só que Ravenna ressuscita e caberá à Rainha do Gelo e aos rebeldes Erik (Chris Hemsworth) e Sara (Jessica Chastain) lutarem, mais uma vez, contra os poderes malignos da vilã.
 
 
Capitão América: Guerra Civil - 28 de abril

Steve Rogers (Chris Evans) é o atual líder dos Vingadores, super-grupo de heróis formado por Viúva Negra (Scarlett Johansson), Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen), Visão (Paul Bettany), Falcão (Anthony Mackie) e Máquina de Combate (Don Cheadle). O ataque de Ultron fez com que os políticos buscassem algum meio de controlar os super-heróis, já que seus atos afetam toda a humanidade. Tal decisão coloca o Capitão América em rota de colisão com Tony Stark (Robert Downey Jr.), o Homem de Ferro.
 
 
Quem aí ficou ansioso? Cada estreiaaaa, só me falta o dinheiro, ein?!