Resenha: White Hot Kiss - Jennifer L. Armentrout

 Sinopse:

Layla é uma garota de 17 anos que quer ser apenas normal. Mas com um beijo que pode matar qualquer um que tenha alma, ela é tudo, menos normal. Metade demônio, metade gárgula, Layla possui habilidades que mais ninguém tem. Criada junto com os Wardens, uma raça de gárgulas que possuem a tarefa de caçar demônios e manter a humanidade a salvo, Layla tenta se encaixar, mas isso significa esconder o seu lado sombrio daqueles que ela mais ama. Especialmente Zayne, um maravilhoso e totalmente fora de alcance Warden, por quem ela sempre foi apaixonada. Mas aí ela conhece Roth, um demônio tatuado e irresistível que diz saber todos os seus segredos. Layla sabe que deveria se manter afastada, mas ela não tem tanta certeza se ela quer, especialmente quando toda aquela história do beijo não ser um problema com Roth, já que ele não possui alma. Mas quando Layla descobre que ela é a razão do aumento de demônios na Terra, confiar em Roth poderia não só arruinar as suas chances com Zayne, mas fazer dela uma traidora para a sua família. Pior ainda, poderia ser uma passagem só de ida para o fim do mundo.


Estava em uma ressaca literária quando comecei a ler esse livro e não sei se foi uma boa ideia. Porque se eu tinha me curado de uma, com certeza estou em outra agora. É impossível você não se apegar aos personagens criados pela Jennifer e é mais impossível ainda você se controlar para não ler o livro inteiro em menos de um dia.


Tirando o fato de ser um livro da Jennifer, uma das minhas autoras favoritas, a sinopse do livro me interessou bastante. A imagem que veio instantaneamente na minha cabeça quando eu li que o livro era sobre gárgulas, foram aquelas gárgulas de O Corcunda de Notre Dame, mas não amigos, o livro não é sobre esse tipo de gárgulas. Os Wardens possuem uma aparência humana na maior parte do tempo, apenas se transformando quando precisam se recuperar ou quando estão enfrentando demônios.


Layla foi resgatada de um orfanato pelos Wardens quando ainda era criança e até hoje vive com eles. Mas como a missão dos Wardens é caçar demônios e Layla é metade demônio, metade gárgula, ela não se encaixa realmente. Para ajudar a causa e para se sentir uma Warden, Layla tem a missão de tagear demônios, assim quando os Wardens saem para caçar a noite eles localizam os seus alvos mais facilmente. E é em uma dessas missões que Layla conhece Roth, um demônio maior que é diferente de todos os demônios que ela já conheceu. 




Layla descobre que o fato dela existir pode significar o fim da humanidade e que apenas Roth pode ajudá-la a impedir que o apocalipse aconteça, mesmo que trabalhar com um demônio seja contra os princípios que lhe foram ensinados a vida inteira.


Por causa da sua metade demônio, Layla tem a habilidade de sugar a alma de qualquer ser que tenha uma. Então, um relacionamento com Zayne, por quem ela sempre foi apaixonada mas que a enxerga apenas com uma irmã mais nova, não pode ser nada mais que platônico. Mas Roth, por outro lado, é um demônio, então toda essa história de sugar a alma não é um problema, já que ele não possui uma. 


Uma das coisas que eu mais gosto nos livros escritos pela Jennifer é que mesmo que o romance seja importante na história, ele não é o foco principal. Então não fica aquela coisa melosa e entediante sabe? Os diálogos são outra atração à parte. Passei bastante vergonha lendo esse livro em público porque não conseguia me controlar e não rir.



Se você está hesitante em ler o livro por causa do título e da capa (eu estava) não fique. O livro é fantástico, os personagens são mais ainda e você não vai conseguir largar até terminar e depois vai sair correndo atrás da sequência. Digo isso por experiência própria.

Livro: White Hot Kiss
Autor(a): Jennifer L. Armentrout
Editora: Harlequin Teen
Número de Páginas: 400
Classificação: 

2 comentários:

  1. Olá, eu gostaria de saber se você possui o livro em português?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi maria Eduarda,

      Infelizmente esse livro ainda não foi lançado aqui. Eu li ele em ebook, que foi comprado na Amazon.

      Beijos.

      Excluir