Resenha: O Príncipe Congelado - Raigor L. Ferreira

Sinopse:

Nas terras longínquas do Reino de Arvoredo, os habitantes já estavam acostumados com um príncipe fora do tradicional. Phelipe, o herdeiro superestimado do trono tinha uma condição exótica e que fazia os moradores do Reino se perguntarem: “Como alguém pode ser tão gelado? ”. A resposta para a pergunta não era simples e esmerada. Na verdade, era muito complexo entender o que tornara a majestade, um homem tão frio e indiferente.

O autor do conto, Raigor, entrou em contato comigo perguntando se eu tinha interesse em ler o seu conto e resenha-lo. Claro que aceitei. A leitura do conto O Príncipe Congelado veio em boa hora. Estava no meio de uma ressaca literária, lendo dois livros ao mesmo tempo e sem conseguir me identificar com nenhum. Como o conto é bem curtinho, 9 páginas apenas, foi ótimo para me tirar dessa ressaca.

Phelipe é o herdeiro do trono. Desde pequeno o seu pai, o Rei, o obriga a aprender táticas militares, a treinar com os soldados, coisas que não agradam o pequeno príncipe. Isso tudo se tornou motivo de discórdia entre os seus pais. A Rainha não concordava com os métodos do Rei, ela achava que eles eram muito rígidos e inadequados para uma criança de 6 anos. Phelipe via os seus pais discutindo quase que diariamente por conta dele, isso o afetou profundamente. 

Não bastasse a situação precária da sua família, o pequeno príncipe começou a ter sintomas peculiares. Ele tinha fortes tremores, algo que nenhum médico conseguiu curar. Ele teve que assumir o trono muito cedo, apenas com quatorze anos. A pressão foi tão grande que depois disso partes do seu corpo começaram a congelar. Onde estava o coração, agora havia uma pedra de gelo. Não havia nada que pudesse ser feito para derreter todo aquele gelo. Os súditos começaram a chamar o Phelipe de O Príncipe Congelado. Não foi apenas o corpo de Phelipe que congelou, todo o seu reino também congelou.
Apesar do conto ser bem curtinho, o autor conseguiu desenvolver perfeitamente bem a história. Uma das coisas que me incomodam um pouco nos contos são os finais. Ou ele não tem um, ou ele deixa muitas coisas em aberto. Não foi o que aconteceu em O Príncipe Congelado, o final foi bem satisfatório. O conto é uma graça e achei a escrita bastante delicada. Se você está no meio de uma ressaca literária e não sabe mais o que fazer da vida, leia esse conto, além de prestigiar um autor nacional, você pode se curar da ressaca. Ele está disponível aqui no site da Amazon por um preço bem bacana. 

Livro: O Príncipe Congelado
Autor (a): Raigor L. Ferreira
Número de Páginas: 9
Classificação: 
Skoob
Goodreads


0 comentários:

Deixe seu comentário