Resenha: A Court of Mist and Fury - Sarah J. Maas



Sinopse:

Feyre sobreviveu às garras de Amarantha e conseguiu voltar para a Corte da Primavera, mas a um custo alto. Embora ela tenha agora os poderes de um High Fae, seu coração permanece humano e não pode esquecer as coisas terríveis que teve que fazer para salvar o povo de Tamlin. Feyre também não esqueceu a sua barganha com Rhysand, High Lord da temida Corte da Noite. Conforme Feyre se Aventura em uma escura rede de políticas, paixões e um deslumbrante poder, um mal maior se aproxima e ela pode ser a chave para pará-lo. Mas só se ela puder utilizar suas habilidades, curar sua alma danificada e decidir como ela deseja moldar o seu futuro e o futuro de um mundo dividido em dois.

Após ter sobrevivido as crueldades da Amarantha, Feyre agora possui os poderes dos High Fae. Mas tudo isso veio com um preço, Feyre não consegue esquecer os horrores que ela presenciou e as coisas que ela teve que fazer para salvar Tamlin e o seu povo. Não bastasse isso ela ainda tem que suportar a barganha que ela fez com Rhysand, High Lord da Night Court, e passar uma semana em sua corte todos os meses. Uma nova ameaça surge e Feyre pode ser a única capaz de pará-la.


Ok. Eu estava ultra curiosa para saber quais rumos essa série tomaria, afinal A Court of Mist and Fury era um dos lançamentos mais aguardados por mim para esse ano. Sempre fico com um pé atrás com relação as sequências. Nós sempre esperamos que elas sejam melhores que seu livro antecessor, que a história evolua, mas nem sempre isso acontece. Mas amigos, Sarah J. Maas se superou com esse livro. Eu já tinha amado A Court of Thorns and Roses, mas esse livro foi tão bom que eu nem sei o que falar, só sentir.







É incrível como a minha visão dos personagens mudou nesse livro, principalmente da Feyre, do Tamlin e do Rhysand. A Feyre evoluiu desde o começo da história, hoje posso considera-la como uma das minhas personagens femininas favoritas. Ela deixou de fazer o que as pessoas esperavam dela (ou exigiam dela) e passou a fazer o que ELA queria. Mas não posso negar, meu personagem favorito é o Rhysand. E ah, novos personagens foram introduzidos e eu já amo eles fortemente.

Em Court of Mist and Fury nós temos uma visão muito maior de Prythian e de suas cortes e eu achei isso um máximo. A Sarah criou um mundo muito vasto e que pode ser ainda mais explorado nos próximos volumes. Espero ver as outras cortes e o Reino de Hybern nos próximos livros.


Tem tantas coisas que eu gostaria de falar, mas não posso, porque seriam grandes spoilers. Mas o que eu posso dizer é que se você gosta de livros de fantasia com personagens femininas fortes você DEVE ler essa série. 

Livro: A Court of Mist and Fury
Autor (a): Sarah J. Maas
Editora: Bloomsbury
Número de Páginas: 624
Classificação: 

0 comentários:

Deixe seu comentário